ALIMENTOS INDUSTRIALIZADOS: 5 PERIGOS QUE VOCÊ DEVE SABER

Os alimentos industrializados chegaram trazendo praticidade em uma vida cada dia mais corrida e urbana. Porém, infelizmente, a praticidade geralmente nunca é (ou não costuma ser) o foco principal das indústrias, que, na maioria das vezes tem como principal vertente o lucro, e com isso, não se importando tanto com os componentes químicos (e tóxicos) que são utilizados na preparação dos produtos.

Como muitos endocrinologistas afirmam, as empresas, comprometidas com seus lucros, se dispõem a utilizar grandes quantidades de gorduras trans, sódio e açúcar para baratear a produção e criar produtos cada vez mais viciantes.

grocery cart with item

Mas, como dizia o velho ditado: “não coma nada que sua avó não reconheceria”, então listamos aqui uma série de produtos encontrados nos alimentos industrializados que você pode anotar, listar e checar na hora de fazer suas comprinhas no supermercado, e tentar passar looonge deles!

Vamos lá:

1 – Açucar:

bakery baking blur close up

Geralmente utilizado em altas concentrações para mascarar a grande quantidade de sal refinado que entra como conservante até mesmo em comidas doces.

Tal concentração tão elevada acaba causando picos de insulina ao ser consumido, enquanto o corpo tenta lidar com a grande quantidade de glicose. Assim, o corpo tende a ficar cada vez menos sensível à insulina, o que pode chegar a causar diabetes.

Além disto, importante destacar que muitos endocrinologistas ainda associam o açúcar com a causa de dependência comparável ao de diversas drogas. Então, muito cuidado com esse componente!

 

2- Sódio

alcohol background bar beer

O sódio tem sua recomendação de uso pela organização Mundial da Saúde, que é de dois gramas diários. Acontece que esses dois gramas diários, na maioria das vezes estão presentes em todos ou quase todos os alimentos consumidos ao longo de seu dia a dia, que faz com que você consuma muuuito além do que essa quantidade recomendada.

O resultado disto? Aumento de pressão arterial, problemas renais, e até mesmo infarto. Então é extremamente importante ficar muito atento à quantidade consumida.

3- Gorduras trans

bowl calories chips crisp

Componente muito conhecido por todos, mas muitas vezes esquecido na hora do consumo. Trata-se de uma transformação de óleos vegetais líquisos em gorduras sólidas, utilizado para melhorar a consistência do produto e ampliar sua durabilidade para consumo.

E vamos aos riscos: ele eleva o colesterol ruim (LDL) e diminui o bom, aumentando a obesidade abdominal e até os processos inflamatórios do nosso organismo. Também aumenta o risco do desenvolvimento de diabetes.

Então, extremamente importante ficar atento à este componente na hora da aquisição dos produtos para consumo.

 

4- Glutamato Monossódico (MSG)

Tal componente é utilizado para realçar o sabor dos alimentos. As evidências cientificas mostram que o consumo contínuo desta substância está relacionado ao déficit de atenção e danos cerebrais, pois a excitotoxina (aminoácido presente nesse produto) é excitante de células nervosas, que leva à destruição dessas células, estimulando assim o surgimento de doenças degenerativas como Alzheimer e Parkinson.

Outro componente que pode aumentar os níveis de insulina, o que pode causar, em longo prazo obesidade, depressão, enxaquecas e lesões oculares. Então temos bons motivos para passar bem longe, não é mesmo?

Então, vamos anotar, lembrar e evitar esses componentes na hora das compras e do consumo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s